Pelo 2º ano consecutivo Santana receberá Premio Gestor Publico Paraná

A prefeitura de Santana do Itararé, com o projeto PIA; Programa de Inseminação Artificial – A mudança que vem do leite; foi novamente selecionado como um dos melhores do Paraná e vai receber pelo segundo ano consecutivo  um dos prêmios previsto no regulamento do PGP-PR:  Premio Gestor Publico Paraná.

O PGP-PR é organizado pelo Sindicato dos Auditores Fiscais da Receita do Estado do Paraná (Sindafep), com participação da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) e apoio do Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR), com objetivo de valorizar projetos da administração pública que unam criatividade e inovação ao desenvolvimento e melhoria na qualidade de vida dos paranaenses.

O PGP-PR é uma forma diferente de destacar o que tem dado resultado nos municípios e contribuir para a valorização das boas práticas dos gestores públicos e estimular as demais administrações municipais a reproduzi-los em outras cidades, gerando um serviço melhor para o município e para a sua população.

O PIA – Programa de Inseminação Artificial

O Programa de Inseminação Artificial – PIA, re-lançado em 2004 pelo então secretário da agricultura Nivaldo Michetti (Produtor referencia e palestrante), teve como objetivo disponibilizar aos Produtores de leite acesso a Inseminação Artificial, possibilitando a eles o melhoramento genético do rebanho, assegurando maior produtividade e maior renda ao produtor e a sua família. Junto com a inseminação artificial iniciou-se um amplo e continuo programa de capacitação do produtor.

A partir de 2009, o programa foi aperfeiçoado com a distribuição de  calcário para correção do solo das pastagens; Aquisição de resfriadores para armazenamento do leite; Aquisição de ensiladeiras em parcerias com a associações de produtores; Reforma de pastagens; Melhoria com cascalhamento em estradas rurais; Construção de pontes; Manilhamento de córregos; Melhorias em acessos ás propriedades; Apoio na organização de cursos, palestras e dias de campo; entre outras ações contribuíram para que a produção de leite do município aumentasse.

A partir de  2017, objetivando a continuação, ampliação e melhoramento do PIA,  a prefeitura entrega 1 novo carro para o programa; passa a fornecer  nitrogênio liquido para armazenamento do semen a preço de custo, gerando uma economia de 40% aos produtores; A Sec. Municipal de Agricultura, também, passa a realizar gratuitamente vacinação contra brucelose em bezerras/novilhas de 3 a 8 meses; Adquiri 1 trator com vários implementos agrícolas para auxiliar os produtores na produção de alimentação para o gado. Apoia a realização da 1ª Feira do Produtor Rural que teve como objetivo oferecer aos produtores do município, um espaço para consolidar sua posição de protagonista na produção de leite e na promoção da vaca hi-tec, fruto do melhoramento genético desenvolvido pelo PIA  no município.

Graças ao PIA, hoje, o município possui um gado de alta produção, tanto em quantidade como em qualidade do leite fazendo com que o preço pago ao produtor do município seja um dos melhores do Estado do Paraná.  As matrizes geradas via PIA as chamadas vacas “ hi-tec” possui um preço médio maior ao praticado no mercado regional, comprovando que gado leiteiro produzido no município é de qualidade e de genética avançada.  Isso tudo aquece a economia do município gerando emprego e renda tanto no campo como na cidade.  Além de contribuir com o aumento da recadação de tributos vindos da comercialização do leite e das vendas dos animais.

O PIA – Programa de Inseminação Artificial, continua sendo uma parceria entre a prefeitura, produtores e a empresa ABS. A prefeitura fornece o botijão de sêmen e o nitrogênio liquido, além de ser a responsável por fornecer o veiculo, combustível, luvas, bainhas e por manter um inseminador capacitado no programa. Os produtores são responsáveis por monitorar o rebanho e avisar ao inseminador o horário do cio para que seja realizada a inseminação. O sêmen também é por conta do produtor que pode adquiri-lo na hora da inseminação direto com o inseminador do PIA ou fazem a compra através do programa e armazenar em botijões em sua propriedade e quando for inseminar, caso não tenha alguém habilitado na propriedade, recorre aos serviços do inseminador do PIA do município. Já a empresa ABS é a responsável por fornecer o sêmen, que é o outro grande diferencial do programa de inseminação do município. Enquanto que em outros municípios, que possuem programa semelhante, o sêmen é adquirido pelas prefeituras por meio de licitações, valendo do menor preço e pouca importância é dada a qualidade e procedência do sêmen, em Santana do Itararé é o contrário, o sêmen é pago pelo produtor, que através da parceria com a empresa ABS Pecplan fornece ao PIA desde 2004 sêmens de qualidade e de eficiência comprovada, por um preço médio de 35 reais a dose.

Os produtores do município também tem acesso a todos os benefícios da empresa parceira ABS Pecplan, que além de oferecer catálogo de touros provados, também dispõe de técnicos capacitados para fornecer orientações e prestar serviços, como por exemplo, o acasalamento genético, nele um técnico faz a avaliação dos animais e através de um programa de computador que faz a indicação das melhores opções de sêmen (touros) para atender às necessidades e objetivos do rebanho do produtor.

Solenidade de Premiação

A solenidade de premiação será no dia 21 de novembro, às 18 horas, no Plenário da Assembleia Legislativa do Paraná.

Saiba mais em: www.pgp-pr.org.br

Fonte: Secretaria Municipal de Agricultura.

 

Gostou? Então compartilhe: